Auxílio emergencial: CAIXA paga até R$375 nesta sexta para quem é do Bolsa Família

Atenção, brasileiros. Nesta sexta-feira, 23 de abril, o Governo Federal, por meio da Caixa Econômica Federal, realiza o pagamento da primeira parcela do auxílio emergencial 2021 para os cadastrados no programa Bolsa Família. Segundo as regras de liberação do programa, serão pagos de R$150 a R$375 nesta fase do benefício.

Nesta sexta (23), o pagamento está sendo depositado para quem tem NIS de final 5. O grupo receberá por meio da conta digital aberta pela Caixa Econômica Federal. O dinheiro liberado poderá ser retirado ou usado para compras e pagamento de contas via Caixa Tem.

Assim como aconteceu em outras oportunidades, o calendário de pagamentos do auxílio emergencial para quem é do Bolsa Família segue o último dígito do NIS. A primeira parcela será paga ao longo de abril, até dia 30, quando receberá quem tem NIS de final 0. Serão pagas quatro parcelas no total: abril, maio, junho e julho.

Auxílio emergencial tem valor menor e menos pessoas estão recebendo

De acordo com o Governo Federal, o valor médio do benefício que está sendo pago é de R$ 250, variando de R$ 150 a R$ 375, a depender do perfil do beneficiário e da composição de cada família.

  • As famílias, em geral, vão receber R$ 250;
  • A família monoparental, chefiada por uma mulher, vai receber R$ 375;
  • Pessoas que moram sozinhas vão receber R$ 150.

Nesta nova fase do auxilio emergencial, serão beneficiadas 45,6 milhões de pessoas, 22,6 milhões a menos do que no auxílio emergencial de R$ 600. No ano passado, foram 68,2 milhões de pessoas beneficiadas.

Segundo as regras do governo, somente vai receber o valor quem já recebeu no ano passado. Sendo assim, é necessário já está cadastrado. Quem não faz parte dos cadastros não receberá o benefício, uma vez que não haverá novos pedidos.

Auxílio emergencial 2021 será pago para quem?

Pelas novas regras do auxílio emergencial em 2021, o auxílio emergencial será pago às famílias com renda mensal total de até três salários mínimos, desde que a renda por pessoa seja inferior a meio salário mínimo.

Em 2021 não foram abertas novas inscrições. O Governo Federal reavaliou todos os beneficiários aprovados para o Auxílio Emergencial, verificando se estão aptos a receber o benefício em 2021, de acordo com as novas regras.

Para quem recebe o Bolsa Família, continua valendo a regra do valor mais vantajoso. A pessoa receberá o benefício com maior valor, seja a parcela paga no âmbito do programa, seja o valor do Auxílio Emergencial. É importante esclarecer que quem está no Bolsa Família para receber o Auxílio Emergencial 2021 deve cumprir todas as regras definidas.

Assim, vão receber:

  • ter recebido o auxílio emergencial em 2020 ser trabalhador informal ou beneficiário do Bolsa Família
  • ter renda familiar mensal de até três salários mínimos (R$ 3.300)
  • ter renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo (R$ 550)

Calendário do Bolsa Família

  • Número do NIS terminado em 1: 16 de abril
  • Número do NIS terminado em 2: 19 de abril
  • Número do NIS terminado em 3: 20 de abril
  • Número do NIS terminado em 4: 22 de abril
  • Número do NIS terminado em 5: 23 de abril
  • Número do NIS terminado em 6: 26 de abril
  • Número do NIS terminado em 7: 27 de abril
  • Número do NIS terminado em 8: 28 de abril
  • Número do NIS terminado em 9: 29 de abril
  • Número do NIS terminado em 0: 30 de abril

 


teste